Cansei de Ser Lady

 “Já passei por boas e aprendi que se a gente não brigar, não alcança nada nesta vida, nem merece”
Tereza Batista Cansada de Guerra, Jorge Amado

Acredito que o humor seja a melhor forma para falar do dia 8 de março, mas o problema é que mulher não entende piada. Então vamos tentar: Kathryn Bigelow é a primeira mulher a levar Oscar de melhor direção por seu desempenho em “Guerra ao Terror”, sobre uma equipe de soldados norte-americanos no Iraque. A primeira? Onde estavam as outras mulheres que fazem filmes nesses 82 anos de Oscar? Desapareceram?

As propagandas na TV de hoje incentivam as mulheres a comprarem sapatos, vestidos, sopas para emagrecer (aquele negócio da Luciana Gimenez ainda é sopa?) e produtos de estética. E só. Nada de livros, nem livros de receita. Clara Zetkin se estivesse viva no ano que se comemora os 100 anos de luta internacional da mulher pensaria o que das mulheres de hoje? Não, melhor: será que ela daria importância aos programas femininos de hoje? E uma entrevista ao Manhã Maior?

Guerra é vício. Luta também. Alcoolismo também. Tomei três caipirinhas enquanto assistia ao Fashion Splash sobre militarismo. E aí eu quis falar de guerra. Adoro guerra. Por isso sou viciado na Fashion TV. E bebida na mente, vou falar de guerra às mulheres. As propagandas dirigidas aos homens vendem bebidas, assinatura de jornal, relógios, automóveis, equipamento de alta tecnologia, cursos de pós-graduação. Em agosto, isso fica evidente. Já para as mulheres é sempre o mesmo: Seja linda, magra, bem vestida e mais magra. Ah! Seja magra porque ser magra é ser vencedora. O corpo da mulher é o meio que funciona como forma de acesso a descoberta de si mesma.  Como é o conceito do Lacan? E o mais importante, cadê minha caipirinha? Não, porque temos a visão de que a mulher magra, tomem, por exemplo, a Victoria Beckham, é uma mulher que não existe. Uma mulher que não ameaça. É menor. Um simples acessório. Praticamente um acessório. Ai, gente sabe, o David Beckham não é veado. Apesar de ser super metrossexual, usar todos aqueles cremes e Tampax. Ele tem uma mulher magérrima que é quase um guarda-chuva.

Ziraldo uma vez disse na TV Brasil que aqui usamos diminutivos como forma de demonstrar carinho. Amorzinho, benzinho, anjinho, filhinho, mãezinha. Esqueceu que mulherzinha é extremamente ofensivo. Porra, você está agindo igual uma mulherzinha; não seja mulherzinha; você é um homem ou mulherzinha? Ouço muito isso porque sou homossexual. E ainda não entendo. Eu gosto de ser homossexual. Eu gosto de ser homem e gay, gosto de barba, gosto de ter pau e mijar em pé, etc, etc. E amo as mulheres por outros motivos. Gosto das mulheres que lutam. Das mulheres que escrevem, que fazem cinema, que ganham prêmios. Viva Madame Curie! E gosto também das mulheres magras.

Twiggy, a primeira top do mundo, não fez sucesso porque era magra. O fascínio por ela tem a ver com sua aparência de menina inteligente, politizada, militante sem deixar de ser mulher. E o que é ser mulher? É a mesma pergunta para o que é ser gay? Eu não sei, mas eu não queria alimentar as minhas sobrinhas com histórias de Cinderela e Branca de Neve. Elas não são heroínas e modelos a ser seguido. Branca de Neve é uma mulher morta e invisível. Esse é o ano de Alice. E esse é o ano perfeito para premiar as mulheres.

Acredito que o humor seja a melhor forma para falar do dia 8 de março, mas o problema é que mulher não entende piada. Então vamos tentar: Kathryn Bigelow é a primeira mulher a levar Oscar de melhor direção por seu desempenho em “Guerra ao Terror”, sobre uma equipe de soldados norte-americanos no Iraque. Portanto, mulheres continuem lutando.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s