Chapeuzinho Vermelho e o Nego Mau

 

 

 

Essa história é especial para quem é virgem.

Virgem do que, professor?

Adoro criança que faz perguntas. Virgem do que você quiser. Eu posso contar essa história para um monte de garrafas de azeite extra virgem. Interprete como você quiser, mas aprenda a interpretar.

Era uma vez Chapeuzinho Vermelho.

Ela usava um boné?

Não. Era um capuz enorme de cetim vermelho. Cetim porque estava no verão. Era uma festa à fantasia e ela resolveu caprichar.

Chapeuzinho chegou de táxi e começou a dançar. Em uma das áreas do clube, havia um menino lindo vestido com roupa de velhinha. Chapeuzinho chegou até o rapaz e falou:

Nossa! Que vestido escândalo. Era da sua avó?

Não. Comprei num bazar.

Adoro bazar- disse a menina- Essa roupa valoriza esses seus olhos enormes.

Você acha? São grandes para poder te enxergar melhor. Você também ficou ótima com essa roupa.

Inspirei-me na propaganda da Chanel. Estou usando até o perfume.

Hum… Você está cheirosa.

Também com esse narigão…

É para poder te cheirar melhor.

Alias, até a sua orelha é enorme.

É para poder te ouvir…

Pare! Isso é tão clichê. Como é que você chama?

Meu nome é Nego.

Nego Mau?

Ele riu e ela também.

Sabe, eu tenho uma cesta cheia de guloseimas e frutas. Você está com fome?

Estou. Estou com fome, sim.

Então vamos nos sentar em algum lugar e você me responde para que serve essa sua boca tão grande.

 

Anúncios

Um comentário sobre “Chapeuzinho Vermelho e o Nego Mau”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s